O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir


Pergunte a um membro do Cristianismo, principalmente o do segmento Protestante, a seguinte questão: "Quem veio para roubar, matar e destruir?". Instantaneamente você receberá a resposta: "O Diabo !!"

Mas veremos um trecho maior dessa passagem na Escritura, para interpretarmos de forma segura:

"Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas.
Todos quantos vieram antes de mim são LADRÕES e salteadores; mas as ovelhas não os ouviram.
Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens.
O LADRÃO não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; EU vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.
EU sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.
Mas o mercenário, E O QUE NÃO É PASTOR, de quem não são as ovelhas, VÊ VIR O LOBO, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas.
Ora, o mercenário foge, porque é mercenário, E NÃO TEM CUIDADO DAS OVELHAS.
Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido.
Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas.
Ainda tenho outras ovelhas que não são deste aprisco; também me convém agregar estas, e elas ouvirão a minha voz, e haverá um rebanho e um Pastor.
Por isto o Pai me ama, porque dou a minha vida para tornar a tomá-la. "
João 10:7-17


Vamos analisar alguns pontos:

- O Salvador cria no texto um comparação antagônica entre o "Bom Pastor", que é ele mesmo, e "os ladrões" e "mercenários". E podemos concluir que, se um é o Bom Pastor, o contrário disso será obviamente o Mau pastor, ou pastor falso. Nesse caso, na figura do ladrão e mercenário.

- Se o ladrão nessa passagem fosse o Diabo, então quem seria o "lobo"? Evidentemente, o Salvador está se referindo ao fato de que o falso pastor deixa as ovelhas à mercê do lobo, ou seja o Diabo.

- Para dirimir de vez qualquer dúvida, o Salvador ainda afirma que "o mercenário foge, porque é mercenário, e não tem cuidado das ovelhas". Fica visível que o mercenário não pode ser o Diabo, pois não é o Diabo que tem a falsa pretensão de cuidar das ovelhas, e sim os falsos pastores.

Para finalizar:

O ladrão e mercenário é o falso pastor, o Diabo nessa história é o lobo. Acontece que sempre que a Escritura fala contra o Sistema Religioso, eles colocam a culpa no Diabo, ou "no mundo".

Para alguém que não está dentro do Sistema Religioso, essa explicação da interpretação do texto chega a ser até desnecessária, pois não existe um pré-conceito estabelecido. Esse entendimento é natural. Mas para quem está no Sistema Religioso, é necessário esmiuçar cada palavra, para que o indivíduo se liberte do fermento dos fariseus.


Quem são os falsos pastores?


É muito comum quando uma pessoa que está inserida no contexto religioso depara-se com essa verdade pensar o seguinte: "É mesmo, aquele pastor da denominação B é um ladrão. Ainda bem que estou aqui na denominação A".

Curiosamente, os membros da denominação B pensam o mesmo do líder religioso da denominação A.

Então quem são os falsos pastores? Todos, exceto o Salvador

O Salvador é claro em Mateus 23: Só há UM pastor, que é ele mesmo. E só há um Pai, que é o Criador.

Quem se auto intitula pastor ou padre(que significa pai), está cometendo grande pecado, querendo se colocar no lugar do Salvador e do Criador na vida das pessoas.



 

Compartilhe